Olá visitante Entrar
Olá visitante Entrar

O QUE É ESPAÇO NO RELACIONAMENTO?

por Junior Meireles quarta-feira, 20 de setembro, 2017 16885 ARTIGOS, CASADOS, NAMORADOS, NOIVOS, SOLTEIROS

Antes de medir os espaços no relacionamento e pedir que nosso parceiro nos dê um pouco dele, precisamos ter noção clara do que é e do que não é o espaço saudável na relação. Como vimos: É possível que alguém esteja em uma relação de tanta proximidade que acabe não tendo espaço para respirar ou pode ser que esteja em uma relação com tanta distância que acabe perdendo contato com o parceiro.

Você sabe em qual caso você e seu relacionamento se encaixam?

CUIDADO: Não saber os limites de proximidade e espaço pode nos levar a cometer erros que comprometerão o bem estar do relacionamento. Se você pedir espaço e não souber explicar o que quer, é possível que seu parceiro encare seu pedido como frieza, desinteresse pelo relacionamento e até mesmo como uma tentativa de terminar a relação. Contudo, se você compreender exatamente o que é ter espaço e comunicar sua visão com clareza, bem como a necessidade de os dois e não apenas você ter um pouco de espaço, certamente, evitará que o outro tenha problemas ocasionados pela desconfiança, ciúme ou medo da perda do relacionamento.

ESPAÇO É LIBERDADE PARA CRESCER INDIVIDUALMENTE: A união entre duas pessoas possui dois propósitos extremamente importantes: glorificar a Deus e promover o crescimento dos indivíduos. Deus criou Eva para ser uma auxiliadora de Adão e a bíblia diz em Eclesiastes capítulo 4, versos 9 ao 12 que dois se unem basicamente para ajudar um ao outro. Esta ajuda tem a ver com o crescimento dos indivíduos.  

Insisto com os casais de namorados a crescerem juntos e apoiarem um ao outro a crescerem enquanto pessoa. Quando um casal se forma, é como se duas engrenagens tivessem se encontrado. Uma engrenagem serve para movimentar a outra, as duas dependem uma da outra para cumprirem seus propósitos e assim como as engrenagens, podemos gerar no outro uma força que ele sequer sabe que possui. Com nossas palavras podemos motivar alguém fazendo essa pessoa dar o seu melhor em determinada situação ou desmotivá-la a ponto de desistir de seus planos, objetivos e sonhos.

O ERRO DE RICARDO E ANA: Ricardo namorava Ana, ele não estudava, não trabalhava e vivia com muito tempo livre, parte deste tempo ele dedicava a suas atividades na igreja. Ana por sua vez, trabalhava, estava fazendo um curso básico de teologia e era muito ativa na igreja. O curso acontecia em três noites da semana: segunda, quarta e sexta. Dos outros quatro dias, três eram dias de culto, terça, quinta e domingo, o sábado geralmente era o dia em que eles ficavam juntos por mais tempo.

Durante a semana o tempo que podiam ficar juntos eram os períodos depois do curso e do culto, Ricardo queria ficar com a namorada até tarde, ele podia, afinal não tinha nada para fazer no outro dia, mas ela, apesar de se esforçar para ficar mais tempo com ele, geralmente estava cansada e queria descansar para o outro dia. Apesar de todo o esforço de Ana, Ricardo não estava satisfeito e reclamava que os dois não tinham tempo para ficar juntos e que o curso estava atrapalhando o namoro.

Neste caso, Ana estava sendo sufocada pelo namorado. Ela precisava de espaço para descansar de sua rotina e espaço para continuar crescendo na igreja e no curso. Se ela tivesse lido este texto antes, poderia ter dito: “Ricardo, tenho feito o possível para atender sua necessidade de estar perto de mim, eu também quero muito ficar com você, porém, estou cansada, preciso ir descansar mais cedo e gostaria de pedir que você não voltasse a tocar no assunto do curso, este curso é importante e eu não gostaria de interromper meus estudos”. Isso é estabelecer um espaço saudável e necessário.

Porém, esse artigo só foi escrito depois que as brigas se tornaram cada vez mais constantes no relacionamento de Ana e Ricardo e a situação ficou tão desagradável que ela abandonou o curso. Ela foi sufocada pela carência do namorado ao ponto de desistir de algo que era importante.

NÃO COMETA O MESMO ERRO: Se seu namoro te puxa para trás, impede você de dar seu melhor e tem feito você perder o rendimento em áreas da vida que você se dava muito bem, é um sinal claro de que vocês precisam de espaço. Observe se seu namoro tem te tornado uma pessoa melhor, incentivado a crescer, dar o melhor naquilo em que você está envolvido ou se tem sido um obstáculo. Se você perceber que ele tem sido um obstáculo e não for capaz de impor espaço no que diz respeito ao seu crescimento individual, isso pode te custar muito caro. 

Fico muito triste ao descobrir que um jovem deixou seus sonhos e projetos de lado por causa de um namoro. Muitos desses jovens me procuram no fim do relacionamento dizendo que abriram mão dos seus sonhos, fizeram todo o possível para manter o namoro e no fim descobriram que não foram valorizados da mesma forma.

Jéssica me procurou muito triste porque seu namoro havia acabado, mas sua maior tristeza não era a perda do relacionamento, era a perda do tempo e das oportunidades durante o namoro. O sonho dela era ser missionaria e um dia o pastor de sua igreja decidiu investir nesse sonho. Ele disse que a enviaria para um ministério especializado na capacitação e envio de missionários. Quando ela contou ao namorado sobre a oportunidade de passar seis meses na escola do ministério ele ficou transtornado e tentou de vários modos persuadi-la a desistir da oportunidade. Ele a perturbou até conseguir seu objetivo e ela desistiu de ir. Porém, surpreendentemente, o mesmo não aconteceu quando ele recebeu uma proposta para jogar futebol fora do pais, não pensou duas vezes, aceitou a proposta e simplesmente informou a namorada que estava de mudança.

CONCLUSÃO: É um erro abrir mão dos sonhos de uma vida inteira por causa do relacionamento. As coisas podem não ser tão intensas e duradouras quanto parecem. Portanto, antes de desistir de um projeto por causa de um relacionamento é preciso fazer uma avaliação sincera. O que lhe traria maior resultado? Seu parceiro faria o mesmo por você? O que sentem um pelo outro, amor ou paixão? Você é capaz de conviver com a perda da oportunidade caso seu relacionamento termine? Como não temos segurança quanto ao futuro a melhor coisa a fazer é nunca desistir de nossos projetos por ninguém, mas exigir espaço para viver nossos sonhos. Se a pessoa te ama, certamente não encontrará problemas em dar um pouco de espaço para te ver feliz. Lembrando, que sua felicidade como pessoa, reflete em seu relacionamento.

Espero ter te ajudado de alguma forma.

Não esqueça de deixar seu comentário!

Deus abençoe sua vida rica e abundantemente!

Em Cristo, Júnior Meireles

_______________________________

NOTAS DE RODAPÉ:

[1] IMAGEM: Site Pexel

_______________________________

SUGESTÃO: Conheça os livros: escritos pelo autor deste texto. Temos certeza que você será muito edificado. Para ir até os livros clique no nome deles: