Olá visitante Entrar
Olá visitante Entrar

5 DICAS PARA UMA VIDA EMOCIONAL SAUDÁVEL!

por Pra. Ariane Leite quinta-feira, 18 de janeiro, 2018 7865 ARTIGOS, NAMORADOS, NOIVOS, SOLTEIROS

Olá meu nome é Ariane Leite, sou pastora na Igreja Batista da Lagoinha em Canoas/RS e este é o meu primeiro artigo aqui no site do namoro com propósito. Neste artigo vou te dar 5 dicas que vão te proporcionar uma vida emocional mais saudável. Espero que goste. Mas antes de ir ao assunto quero recomendar para você o livro que escrevi junto com o meu marido Pr. Gilberto: “Orar, namorar e noivar”. O propósito deste livro é mostrar o quanto essas três etapas podem ser importantes para a construção do seu casamento. Para saber mais clique aqui.

Vamos ao tema?

_____________________

As emoções que sentimos durante a vida refletem e determinam a forma como nos comportamos. Elas interferem em nossas escolhas. E através do nosso comportamento demonstramos o que estamos sentindo. São as emoções que fazem com que a vida não seja sem graça, porém, o que acontece quando não conseguimos administrá-las?

A vida emocional não envolve somente as questões relacionadas ao namoro, noivado ou o casamento, ela vai além disso e envolve todos os nossos relacionamentos, sejam eles com os nossos amigos, familiares, ou também a forma com que lidamos com as coisas que acontecem em nossas vidas, bem como o nosso equilíbrio diante das situações que nos provocam ou tentam tirar o nosso chão. Muitas coisas ocorrem em nossas vidas e algumas delas fazem a gente perder o controle de nossas emoções e ter reações diferentes das que gostaríamos de ter.

Eu mesma já passei por momentos em que perdia o controle quando algo que me aborrecia acontecia. Porém, o grande problema era minha reação diante dessas situações: eu evitava a exposição  e somente chorava. Não conseguia expor meus sentimentos, minhas vontades e o choro me impedia de realizar qualquer coisa. Em muitos momentos orava ao Senhor para que Ele me ajudasse a ser mais corajosa e enfrentar as coisas com mais força, então descobri algo que muitos de nós não nos damos conta: às vezes passamos muito tempo sofrendo por causa de nossas atitudes, até oramos e buscamos o Senhor, mas a verdade é que precisamos deixar Ele trabalhar em nossa vida emocional.

A vida emocional precisa de metas também, assim como qualquer área, precisa ser trabalhada e ser desenvolvida. Caso contrário, sempre erraremos nos mesmos pontos, sempre vamos nos deixar usar por pessoas que se aproveitam de nossas fragilidades para nos manipular, bem como sempre nos sentiremos cansados antes mesmo de lutar. Não podemos culpar os outros de erros nossos, viver o melhor de Deus é uma escolha, ter as emoções em ordem através do equilíbrio delas é uma decisão individual. Não deixe os temores do seu passado serem protagonistas do seu presente, diga não para uma vida emocional frustrada, levante e lute por você, você tem que ser um agente transformador na vida dos outros, mas essa transformação primeiro deve começar em você.

Deixe-me te dar  5 dicas para você desfrutar de uma vida emocional saudável:

DICA 1: Não se entregue para alguém sem estabelecer um vinculo de confiança: Quando conhecemos alguém, é normal desenvolver uma admiração por aquela pessoa em um primeiro momento, porém admirar não deve estar ligado à questão de abrir sua vida e se entregar totalmente a essa pessoa antes de estabelecer uma confiança. Uma amizade requer tempo, requer dedicação, não se constrói do nada, é um processo e por isso, vá com calme e não atropele as etapas.

DICA 2: Encare as coisas difíceis: cada pessoa sabe (ou deveria saber) qual é o seu ponto fraco que precisa ser desenvolvido e melhorado, porém tem aquelas coisas que realmente nos deixam de cabelo em pé e tiram a nossa paz. A reação de muitas pessoas é tentar esconder suas fragilidades, mas não dá certo, afinal: volta e meia elas vem à tona e interferem em sua vida. Acredito que devemos encarar e administrar aquilo que nos dá medo, a palavra do Senhor nos fala em Jó 3:25 “Aquilo que eu temia foi o que aconteceu, e o que mais me dava medo me atingiu”.

A palavra nos deixa claro, aquilo que temos medo é o que nos atinge, sabe por quê? Porque normalmente não gostamos de falar sobre aquilo que tememos, não deixamos Deus tratar e sempre parece que essas coisas nos “perseguem”, na realidade somos nós que as deixamos nos perseguir. Meu conselho? Deixe o Senhor trabalhar naquilo que você mais tem medo.

DICA 3: Aprenda a dizer não: precisamos aprender a dizer não em alguns momentos de nossa vida, nem tudo podemos suportar ou fazer, não deixe as pessoas e as situações abusarem de você. Faça o que está ao seu alcance, faça o seu melhor e aprenda que nem tudo depende de você. É fundamental descansar e depender de Deus. 

DICA 4: Controle as emoções: sabe aqueles momentos em que você teve algumas atitudes levado por suas emoções que se arrependeu depois? Você deve tentar cuidar desses comportamentos não pensados, dos quais depois nos ferem emocionalmente, onde ficamos nos “maltratando” por ver que podíamos ter reagido de forma diferente. Você sabe o quanto isso é complicado não é? Controlar nossos sentimentos parece tão difícil como tentar domar um leão. Isso requer de nós muita perseverança e entender que é um processo a ser administrado em nós a cada dia e nas mais variadas situações.

DICA 5: Não manipule as pessoas: não devemos usar nossos sentimentos para assim encarcerar ou manipular outra pessoa. Muitas pessoas utilizam o sentimento do outro para conseguir se beneficiar a custa dele, não utilize da fraqueza de outra pessoa para garantir o seu sucesso. Sua vida emocional não pode estar baseada na infelicidade de outra pessoa.

“Mas quando o Espírito Santo controlar nossas vidas, Ele produzirá em nós esta espécie de fruto: amor, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio” (Gálatas 5.22)

Para um entendimento mais claro: o domínio próprio nada mais é que o domínio sobre as emoções que geram nossas atitudes. Nem todos os dias nossas emoções são iguais, temos dias em que estamos mais motivados, outros nem tanto, porém todas elas devem estar de acordo com que a bíblia fala para nós, em um ciclo normal em nossa vida e controladas pelo Espírito Santo.

Deus nos criou para sermos felizes! E seremos capazes de superar as adversidades de nossa vida e bem sucedidos em todas as áreas se estivermos junto com Ele. Cabe a nós gerenciarmos junto com Deus aquilo que mais nos pesa e aquilo que é mais difícil para nós.

Mesmo que as nossas emoções flutuem de uma forma comum, elas não são as culpadas pelas nossas decisões, pois o meu domínio sobre elas deve ser maior, porém somente irei aprender isso conhecendo Cristo e o reconhecendo em minha vida.

É isso ai, espero que este artigo tenha te acrescentado algo… se te ajudou… role para baixo e deixe um comentário para nós.  Ahhh e não se esqueça… quando você compartilha textos como este você ajuda as pessoas a conhecerem a cultura do Reino de Deus para relacionamentos. Vamos transformar o mundo juntos… compartilhe!

Com carinho, Pra. Ariane Leite

Sou Casa Jovem

_______________________________

SUGESTÃO:

Conheça os livros: escritos pelo escritor Júnior Meireles. Temos certeza que você será muito edificado, para ir até os livros clique no nome deles:

 CRÉDITOS IMAGEM: PEXELS